top of page

Cachaça e Bicharada: Entre Polêmicas e Sabores Selvagens.

Bem-vindos ao nosso blog, leitores curiosos! Hoje, vamos explorar um tema intrigante e controverso: a prática de colocar animais dentro de garrafas com Cachaça. Você já se perguntou se Cachaça com bichos dentro é permitido? E por que essa prática existe? Vamos descobrir juntos!


Varias garrafas penduradas com cachaças e bichos dentroo

Por que colocar bichos dentro da garrafa de Cachaça?

Se você ficou intrigado com essa pergunta, saiba que não está sozinho. Muitas pessoas ao redor do mundo têm o costume de adicionar cobras, escorpiões, caranguejos e até ratos dentro das garrafas com bebidas alcoólicas. Mas qual seria o motivo por trás desse hábito peculiar?

  1. Aprimoramento do Sabor: Para os entusiastas dessa prática, alega-se que o veneno dos animais não se mistura à bebida e, teoricamente, isso realça o sabor da Cachaça, conferindo-lhe um toque distintivo, muitas vezes descrito como "sabor de barril".

  2. Atração de Curiosos: A ideia é chocar e atrair a atenção de curiosos. Se alguns podem sentir repulsa pela ideia de beber Cachaça com caranguejo dentro, outros podem se sentir intrigados a experimentar. E não é apenas no Brasil que essa prática ocorre; na China por exemplo, existe uma bebida tradicional chamada Shajiu, que é feita com cobras venenosas.


Algumas garrafas com cachaça e caranguejo

Como isso é feito?

Vamos dar uma olhada em como essa mistura inusitada é preparada. Uma das versões mais conhecidas é a Cachaça com caranguejo. A garrafa é cortada na base ou parte superior com um cortador de vidro, o animal é adicionado, e a garrafa é colada novamente. Algumas garrafas até recebem um adorno de cipó para disfarçar a emenda. Além de caranguejos, é possível encontrar cobras, escorpiões e até filhotes de ratos.


Duas fotos uma do lado da outra. Garrafas com cachaça e filhos de rato dentro

Por que essa prática é controversa?

Embora essa tradição tenha seus defensores, é fundamental destacar que não há motivo real para conservar animais em Cachaça. Além de não ser higiênico ou saudável, é uma prática cruel. Muitos dos animais são sacrificados e colocados nas garrafas quando ainda são muito jovens, incluindo pequenos ratos com apenas dois dias de vida.


Logo da Anvisa

Os riscos envolvidos

Além da questão ética, há sérios riscos associados a essa prática. Como garantir que as bebidas não são envenenadas no processo? Muitos dos animais peçonhentos utilizados possuem venenos poderosos, que precisam ser inoculados. Além disso, a bebida pode ser contaminada de diversas formas durante o processo, devido ao mau manuseio.


A ilegalidade por trás da prática e os riscos para a saúde

Além dos aspectos éticos e dos riscos associados à colocação de animais dentro de garrafas de Cachaça, é crucial destacar a ilegalidade dessa prática. Segundo especialistas em toxicologia, esse tipo de venda não é permitido no país, e a fiscalização por parte da Vigilância Sanitária é essencial para coibir tais atividades.

Em caso de contaminação, os riscos para a saúde são significativos. Pessoas que consomem Cachaça com animais dentro podem experimentar dor abdominal, diarreia, mal-estar e febre. Os efeitos podem variar de leves a graves, dependendo da quantidade e tipo de contaminante presente na bebida. É fundamental entender que a introdução de animais na Cachaça não apenas compromete a qualidade do produto, mas também representa uma ameaça direta à saúde dos consumidores.

Consumir bebidas contaminadas por animais peçonhentos ou outras substâncias nocivas pode resultar em consequências sérias para a saúde. Portanto, ao escolher uma bebida para apreciar, é fundamental priorizar opções seguras e legalizadas, garantindo não apenas o prazer do paladar, mas também a integridade da sua saúde.


Foto da Cachaça Companheira, um copo de dose e uma pratinho com chocolates

Conclusão

Diante dessas informações, o apelo é claro: se você busca variar o sabor da Cachaça, opte por uma Cachaça especial ou envelhecida. Deixe as surpresas serem proporcionadas pelo sabor dessas bebidas, sem a necessidade de arriscar sua saúde e apoiar uma prática questionável. Afinal, há um mundo de opções deliciosas e seguras para explorar!








Comments


bottom of page